3 de fevereiro de 2015

Luta e trabalho marcaram o ano de 2014

Além de continuar na luta pelo transporte exclusivo para pacientes de hemodiálise, Obelino apresentou, este ano, o projeto de lei determinando que 50% das árvores plantadas nos espaços públicos de Contagem

O ano de 2014 foi de muito trabalho, dedicação e luta. Na Câmara Obelino apresentou vários projetos de interesse da cidade, exerceu o papel de fiscalizador do município e se colocou aberto para receber as demandas de Contagem.

Além de continuar na luta pelo transporte exclusivo para pacientes de hemodiálise, Obelino apresentou, este ano, o projeto de lei determinando que 50% das árvores plantadas nos espaços públicos de Contagem sejam frutíferas; criou o projeto que isenta da taxa de esgoto os endereços que não têm o esgoto canalizado; criou na Câmara a comissão permanente do esporte e apresentou o projeto que obriga os veículos do transporte público municipal serem emplacados em Contagem.

Na comunidade Obelino expandiu a ONG Impacto, núcleo de projetos sociais, com a criação do curso de informática, aulas de português e matemática para candidatos ao ENEM e concursos, criou o curso de contabilidade para pequenos empreendedores, entre outros.

O mandato popular e participativo esteve também ao lado do esporte amador do município. A principal contribuição foi a construção do vestiário no campo do Terrestre/Amendoeiras e o plantio de mais de 80 mudas de árvores frutíferas no local. 

Além de acompanhar de perto as partidas dos principais campeonatos de Contagem, Obelino investi nas crianças e nos adolescentes que sonham em ser jogadores de futebol. Ele apoia uma escolinha de futebol no ginásio poliesportivo do Jardim Alvorada e no campo do Terrestre/Amendoeiras.

“O nosso mandato espera que, em 2015, a participação popular possa ser ainda maior do que foi este ano. Somente com o envolvimento e a contribuição da comunidade é possível construir uma cidade mais justa, organizada e igualitária”, disse Obelino.